Como jogar na Dupla Sena?

Como jogar Dupla Sena

 

A famosa Dupla Sena é mais uma espécie de loteria realizada pela Caixa Econômica Federal na qual com apenas um blilhete suas chances de ganhar são em dobro, pois são dois sorteios por concurso e ganha acertando 3, 4, 5 ou 6 números no primeiro e/ou no segundo sorteios.
É so você escolher de 6 a 15 números dentre os 50 disponíveis no volante  e “cruzar os dedos”. A Caixa ainda lhe oferece a possibilidade de que o sistema escolha os números para você (Surpresinha) ou concorrer com a mesma aposta por 2, 4 ou 8, 3, 6, 9 ou 12 concursos consecutivos (Teimosinha). Se não acertar seis números no primeiro sorteio, pode ganhar no segundo

Vale ressaltar que a possibilidade de se sair ganhador, fazendo a aposta mínima (6 números) é:

  • 3 números: 1 chance em 60
  • 4 números: 1 chance em 1.120
  • 5 números: 1 chance em 60.192
  • 6 números: 1 chance em 15.890.700

Consequentemente, jogando na Dupla Sena com a aposta máxima (15 números) a chance de acertar os 6 números aumenta e passa a ser de 1 em 3.174.

Agora, no que se refere a sua premiação, na Dupla Sena o prêmio é equivalente a 46% da arrecadação, já computado o adicional destinado ao Ministério do Esporte. A partir destes dados percentuais, são distribuídos:

Para o primeiro sorteio:

  • 30% entre os acertadores de 6 números;
  • 10% entre os acertadores de 5 números;
  • 8% entre os acertadores de 4 números;
  • 4% entre os acertadores de 3 números.

Para o segundo sorteio:

  • 11% são atribuídos entre os acertadores de 6 números;
  • 9% entre os acertadores de 5 números;
  • 8% entre os acertadores de 4 números;
  • 4% entre os acertadores de 3 números.

16% ficam acumulados para a 1ª faixa do 1º sorteio (seis acertos) do próximo concurso especial de Páscoa.

Todavia, não havendo ganhadores em qualquer faixa de premiação, o montante se acumula para o concurso seguinte, na faixa de 6 acertos do primeiro sorteio.

Dupla Sena de Páscoa

O concurso especial desta modalidade de loteria chama-se Dupla Sena de Páscoa, realizado próximo à Páscoa, sendo que neste concurso o prêmio não acumula, ou seja, caso não haja ganhadores com as 6 dezenas, leva quem acertar 5 dezenas. Para tanto, este concurso especial deve obedecer algumas regras específicas.

Para acumulação do prêmio, a Caixa disponibilizará volantes específicos onde será captados as apostas independente e concomitante com os demais concursos da categoria em um período de 30 dias. A Caixa disponibilizará com antecedência a data do início das vendas e o número do concurso especial.

A Caixa fara a distribuição do valor destinado ao pagamento dos prêmios da seguinte forma:

– 1ª faixa – 46% rateados entre as apostas que contiverem 6 prognósticos certos (sena) do 1º sorteio;

– 2ª faixa – 10% rateados entre as apostas que contiverem 5 prognósticos certos (quina) do 1º sorteio;

– 3ª faixa – 8% rateados entre as apostas que contiverem 4 prognósticos certos (quadra) do 1º sorteio;

– 4ª faixa – 4% rateados entre as apostas que contiverem 3 prognósticos certos (terno) do 1º sorteio;

– 5ª faixa – 11% rateados entre as apostas que contiverem 6 prognósticos certos (sena) do 2º sorteio;

– 6ª faixa – 9% rateados entre as apostas que contiverem 5 prognósticos certos (quina) do 2º sorteio;

– 7ª faixa – 8% rateados entre as apostas que contiverem 4 prognósticos certos (quadra) do 2º sorteio;

– 8ª faixa – 4% rateados entre as apostas que contiverem 3 prognósticos certos (terno) do 2º sorteio.

Na Dupla Sena de páscoa de cada ano, a 1ª faixa de premiação – seis acertos do 1º sorteio tem a composição da seguinte forma:

– 46% do valor destinado a prêmios;

– total acumulado para o concurso especial de Páscoa;

– total acumulado do concurso anterior, em quaisquer das faixas, quando houver.

Critério de acumulação:

– Não havendo aposta ganhadora na primeira faixa de premiação (“sena”) do primeiro sorteio, o montante destinado a esta faixa de premiação será adicionado ao valor destinado à segunda faixa de premiação (“quina”) do primeiro sorteio e rateado entre os portadores de bilhetes com apostas vencedoras com cinco prognósticos certos;

– Não havendo aposta ganhadora na primeira faixa de premiação (“sena”) e na segunda faixa de premiação (“quina”) do primeiro sorteio, o montante total destinado a estas faixas de premiação será adicionado ao montante destinado à terceira faixa de premiação (“quadra”) do primeiro sorteio e rateado entre os portadores de bilhetes com apostas vencedoras com quatro prognósticos certos; e assim sucessivamente;

– Não havendo aposta ganhadora nas quatro faixas de premiação (“sena”, “quina”, “quadra” e “terno”) do primeiro sorteio, o montante total destinado a estas faixas de premiação será adicionado ao montante destinado à primeira faixa de premiação (“sena”) do segundo sorteio e rateado entre os portadores de bilhetes com apostas vencedoras com seis prognósticos certos;

– Não havendo aposta ganhadora nas quatro faixas de premiação (“sena”, “quina”, “quadra” e “terno”) do primeiro sorteio e na primeira faixa de premiação (“sena”) do segundo sorteio, o montante total destinado a estas faixas de premiação será adicionado ao montante destinado à segunda faixa de premiação (“quina”) do segundo sorteio e rateado entre os portadores de bilhetes com apostas vencedoras com cinco prognósticos certos; e assim sucessivamente; e

– Não havendo aposta ganhadora em qualquer uma das quatro faixas de premiação (“sena”, “quina”, “quadra” e “terno”) do primeiro e do segundo sorteios, o montante total destinado a estas faixas de premiação será adicionado ao montante destinado à primeira faixa de premiação (“sena”) do primeiro sorteio do concurso da Dupla-Sena imediatamente seguinte ao concurso especial de que se trata e rateado entre os portadores de bilhetes com apostas vencedoras com seis prognósticos certos.

Por fim, os prêmios destinados a esta modalidade prescrevem 90 dias após a data do sorteio. Ultrapassando esse prazo, o montante é repassados ao Tesouro Nacional para aplicação nos sistemas estudantis do Governo Federal.